terça-feira, 21 de julho de 2009

Nem o melhor, nem o pior, ele é simplesmente o meu filho...


Nasceu no dia 13 de Julho de 2009

Nem o melhor, nem o pior, ele é simplesmente o meu filho...


De coração puro
Águida Hettwer
...Todos os dias, Deus nos estende as mãos,
E nos revela a beleza da vida, através da
Espontaneidade de uma criança, que não
Vê obscuridade nas ações humanas.

Matheus de Barros Fontes Vieira, é o meu primogênito, ele "É" o meu filho, ele veio ao mundo para iluminar as nossas vidas e a de todos que compartilharem com a sua existência.
O meu filho, não será nem o melhor e muito menos o pior, ele será simplesmente o meu filho, e isso já me basta.
No mundo dos adultos temos a mania de achar que o nosso é sempre o mais bonito, o mais inteligente, o mais isso, o mais aquilo, sempre o mais, por isso estou aqui para mostrar que o meu amor pelo meu filho também não é o maior e muito menos o menor, é amor puro e simples...
Sei que no mundo d'Ele não existe ainda a necessidade de ser o melhor e nem o pior, ele simplesmente existe, existe os momentos mágicos de cada sorriso, de cada choro, de cada expressão... Existe a pureza do ser, pois para ele pouco importa ser o melhor ou o pior, ele apenas expressa a mais pura leveza de ser quem ele é...
Aprendo através da sua pureza, a contemplar o mundo com os olhos de uma criança, puro e simples...

Filho te amo mais e mais, dia-a-dia, segundo-a-segundo, pela pureza do seu coração...


"Eu poderia falar todas as línguas que são faladas na terra e até no céu, mas, se não tivesse amor, as minhas palavras seriam como o som de um gongo ou como o barulho de um sino.
Poderia ter o dom de anunciar mensagens de Deus, ter todo o conhecimento, entender todos os segredos e ter tanta fé, que até poderia tirar as montanhas do seu lugar, mas, se não tivesse amor, eu não seria nada.
Poderia dar tudo o que tenho e até mesmo entregar o meu corpo para ser queimado, mas, eu se eu não tivesse amor, isso não me adiantaria nada.
Quem ama é paciente e bondoso. Quem ama não é ciumento, nem orgulhoso, nem vaidoso.
Quem ama não é grosseiro nem egoísta; não fica irritado, nem guarda mágoas.
Quem ama não fica alegre quando alguém faz uma coisa errada, mas se alegra quando alguém faz o que é certo.
Quem ama nunca desiste, porém suporta tudo com fé, esperança e paciência.
O amor é eterno. Existem mensagens espirituais, porém elas durarão pouco. Existe o dom de falar em línguas estranhas, mas acabará logo. Existe o conhecimento, mas também terminará.
Pois os nossos dons de conhecimento e as nossas mensagens espirituais são imperfeitos.
Mas, quando vier o que é perfeito, então o que é imperfeito desaparecerá.
Quando eu era criança, falava como criança, sentia como criança e pensava como criança. Agora que sou adulto, parei de agir como criança.
O que agora vemos é como uma imagem imperfeita num espelho embaçado, mas depois veremos face a face. Agora o meu conhecimento é imperfeito, mas depois conhecerei perfeitamente, assim como sou conhecido por Deus.
Portanto, agora existem estas três coisas: a fé, a esperança e o amor. Porém a maior delas é o amor."
I Coríntios 13


3 comentários:

Filósofo Calvinista disse...

Nasce mais um filósofo! Tudo de bom Carlos e Esposa. Que Deus os ajude na dificil tarefa de criá-lo nos caminhos do Senhor.
Fábio

Danilo Fernandes disse...

Ola Carlos!

Outro dia vi o link do seu blog e vim conhecer. Parabéns pelo excelente trabalho virtual. Hoje me tornei seu seguidor. Aproveitando, quero convidar-lhe para conhecer o Genizah um blog de apologética cristã, notícias e humor. Contamos com um time de editores e colaboradores diversificado e inteligente.

Esperamos você por lá e, se gostar, acompanha a gente!

Um abração, do seu mais novo leitor,

Danilo Fernandes

www.genizahvirtual.com

Carlos Vieira disse...

Caro Danilo, obrigado por seguir o meu blog. Estamos juntos nessa, pois estou seguindo o seu também...

Um abraço,
Carlos Vieira